Chamada Agora (b)

Presidente da Seteco responde a dúvidas do IRPF no Jornal Agora

O presidente da Seteco e vice da Associação Comercial de São Paulo, José Maria Chapina Alcazar, teve participação destacada no Jornal Agora, do Grupo Folha, no último domingo (24-04), ao tirar dúvidas de leitores sobre o Imposto de Renda da Pessoa Física 2016.

Ao lado de outros especialistas renomados da área contábil, Chapina Alcazar ajudou a responder 100 questões relacionadas a diversos pontos importante da declaração, cujo prazo de envio se encerra nesta sexta-feira (29-04).
Confira abaixo algumas das perguntas respondidas pelo presidente da Seteco:

Minha mulher é a titular do nosso plano de saúde familiar. Eu posso deduzir as parcelas mensais referentes exclusivamente as minhas despesas médicas? J.M.S.
Sim, é possível deduzir as parcelas pagas do plano de saúde em que a esposa é titular mesmo se apresentar a declaração separadamente.

Onde informar as ações da Petrobras? Comprei em 2013 e o banco só me envia a quantidade comprada. B.F.

As ações são informadas na ficha de “Bens e Direitos” item 31 – Ações. É preciso informar tipo da ação, CNPJ, quantidade de ações detidas, o valor de custo e a data de compra. Como o banco só envia a quantidade comprada, será necessário levantar o custo de aquisição de 2013 para informar a posição correta na declaração.

Emprestei para minha filha uma quantia em 2015 e ela ainda não pagou. Declaro como empréstimo e ela declara também? Em qual ficha? B.F.

Resposta: Você (quem emprestou) declara na ficha de “Bens e Direitos” código 51 – Crédito decorrente de empréstimo e sua filha (devedora) declara na ficha de “Dívidas e Ônus Reais” código 14 – Pessoas físicas.

Comprei um imóvel por Cr$ 120.000,00 em 1971. Paguei Cr$ 20.000,00 e financiei o restante pelo BNH. O imóvel está quitado há anos, mas nunca declarei. Como faço para atualizar o valor? Lanço como R$ 120 mil? A.G.

Resposta: Se possui imóveis que não foram informados nas suas declarações de imposto de renda, é preciso regularizar a situação o quanto antes.
Para isso, será necessário retificar as cinco últimas declarações de imposto de renda (não é possível retificar declarações anteriores a cinco anos) e incluir o imóvel nessas declarações pelo seu custo de aquisição.
Conforme Instrução Normativa SRF nº 81 de 11/10/2001 – Anexo I, deverá dividir o valor original pelo índice correspondente ao mês da aquisição. Abaixo a tabela do ano de 1971 para facilitar a identificação dos valores em Reais.

jan/1971 – 4,5142
fev/1971 – 4,5974
mar/1971 – 4,6581
abr/1971 – 4,7046
mai/1971 – 4,7592
jun/1971 – 4,8272
jul/1971 – 4,9228
ago/1971 – 5,0211
set/1971 – 5,1265
out/1971 – 5,2383
nov/1971 – 5,3437
dez/1971 – 5,4314

Peguei um empréstimo em 2013, que foi declarado em “Dívidas e Ônus Reais”. Agora, vou devolver a grana para a pessoa. Onde declaro? I.S.

Resposta: Na posição em 31/12/2015 (em dívida e ônus) deve ser informado o valor zerado e também preenchido o valor pago em 2015. Como complemento, descrever no histórico do empréstimo que o valor foi totalmente pago em 2015.

clipping Seteco - Agora - 26-04-16